O Buda de Ouro

O Buda de Ouro (Tailândia), tem 3 metros de altura, feito de ouro maciço pesando quase 6 toneladas.

Seu valor somente do ouro chega quase a 200 milhões de dólares sem contar o seu valor artístico e histórico. É a maior estátua de ouro maciço no mundo.

Até pouco tempo, ninguém sabia da existência do Buda de Ouro.

Um Buda de Barro estava exatamente num local onde iria ser construída uma rodovia e, portanto, ele precisava sair de onde estava para outro local.

Em 1955, um novo edifício foi construído, e a estátua poderia ser colocada dentro dele.

Como ele era muito pesado foi utilizado um guindaste para levantá-lo para colocar num veiculo para transportá-lo. Neste trabalho de movimentação, um cabo de sustentação se rompeu e a estátua caiu. Os trabalhadores interpretaram isso como um mau preságio fugiram do local, deixando a estátua caída no solo.

Como era época de chuva uma tempestade inundou parcialmente a cidade durante a noite.

Noutro dia, para surpresa, espanto e alegria de todos, existia um Buda de Ouro que estava encoberto por barro!

Existe uma teoria de que quando os birmaneses sitiaram a cidade, em 1765, os monges cobriram o Buda de Ouro com barro para que parecesse uma estátua sem valor. Como os monges foram massacrados o segredo morreu com os monges até ele ser descoberto.


 
Exemplo de imagem
A palavra descobrir significa tira a cobertura, descobrir alguma coisa. Assim descobriram e acharam o Buda de Ouro que sempre estava lá.

Podemos dizer que o Buda é como certas pessoas que tem uma cobertura, não de barro, mas sim de crenças negativas e dúvidas internas que por diversos motivos, acreditam não ter valor algum, não serem boas o bastante para mereceram coisa alguma.

O que essas pessoas não sabem que sob esse “barro” de negatividade existe uma essência de ouro que é exatamente a sua verdadeira identidade. Nada precisa ser adicionado na vida dessas pessoas, apenas tem-se que tirar o “barro” das crenças negativas.

Todos nascem resilientes, mas poucos conhecem essa força que vem dentro do nosso DNA.

Com o passar do tempo vamos acrescentando camadas e camadas negativas que encobrem essa dádiva da Natureza, mas nunca é tarde para descobrir essa nossa força interna, a nossa Resiliência.

Todos nós temos tudo que precisamos para chegar onde queremos apenas desconhecemos a existência desse nosso poder e como desenvolvê-lo.

Pergunto e você está disposto a tirar o seu “barro” e mostrar ao seu esplendor?

Ou vai dizer, óh Elazier eu não consigo! Essa dificuldade de não existir uma alto autoconfiança pode estar associada a eventos passados que não deram certos criaram nossas camadas de “barro”.

As pessoas autoconfiantes tocam seus projetos e assumem que os obstáculos funcionam como as barreiras para os atletas de corrida com obstáculos, estão ali para serem superados. 

Então, vamos brilhar!
 
Escreva-se aqui e não perca nenhuma novidade!
Insira seu e-mail abaixo para receber nossas novidades e receba agora mesmo Ebook Gratuito sobre Resiliência